SOBRE A SYMANTEC

  • Compartilhar

News Release

Symantec Corp., McAfee, Inc., Trend Micro Incorporated, ICSA Labs e Thompson Cyber Security Labs unem-se para estabelecer o padrão de mercado para metodologias de testes e amostras de spyware

A iniciativa aperfeiçoará os produtos anti-spyware e ajudará os clientes a avaliar melhor as tecnologias de redução de spyware

CUPERTINO, Calif. - 01 de Fevereiro de 2006 - Symantec Corp. (NASDAQ: SYMC), McAfee, Inc. (NYSE: MFE), Trend Micro Incorporated (TSE: 4704, NASDAQ: TMIC), ICSA Labs e Thompson Cyber Security Labs anunciam um acordo para a criação de metodologias de identificação e teste relacionadas à redução de spyware. Como conseqüência dessa colaboração, os clientes corporativos e domésticos poderão tomar decisões mais conscientes em relação à tecnologia anti-spyware, utilizando testes de produto baseados nos critérios padronizados de avaliação de outros fabricantes, bem como amostras padrão comuns usadas em ambientes de detecção e teste.

O spyware e outras tecnologias potencialmente indesejáveis são alguns dos riscos que crescem mais rapidamente tanto para os usuários domésticos quanto para as empresas, aumentando a uma taxa estimada de 50% a 100% ano após ano, de acordo com alguns especialistas em segurança. Devido à necessidade de solucionar essa crescente ameaça por meio de tecnologias de redução de spyware, essa colaboração eliminará a confusão e permitirá que os usuários adquiram soluções que atendam às suas necessidades individuais.

Atualmente, ao publicar os resultados e as recomendações do produto, poucos analistas documentam suas amostras ou metodologias de testes, e muitos usam conjuntos muito pequenos de amostras em seus ambientes de teste. Assim, não há uma referência perceptível para uma comparação entre fornecedores de produtos anti-spyware, deixando os consumidores confusos quanto aos produtos e às soluções mais eficientes para seus respectivos ambientes.

"Há uma enorme confusão no mercado atual sobre as origens do spyware e a eficácia das ferramentas criadas para combatê-lo", afirmou Larry Bridwell da ICSA Labs, uma divisão independente da Cybertrust. "Este acordo é o primeiro grande passo para o desenvolvimento do setor rumo ao combate de forma eficaz contra a proliferação do spyware a favor dos usuários, fornecendo, dessa forma, um ambiente on-line mais seguro e eficiente para todos".

Utilizando métricas padrão para avaliação de produtos de terceiros, bem como uma amostra padrão comum, essas características que antes eram difíceis de serem avaliadas podem se tornar consistentes em todo o mercado, permitindo que os clientes façam comparações transparentes de soluções.


As próximas iniciativas deste grupo de especialistas em spyware será aproveitar a experiência dos participantes na cooperação de pesquisas de antivírus para convenções de nomenclatura da ameaça, práticas recomendadas para compartilhamento de conhecimento e diretrizes de distribuição de informações de emergência. O grupo utilizará as definições criadas pela ASC (Anti-Spyware Coalition, Coalizão Anti-Spyware) e trabalhará com ela na iniciativa de desenvolvimento de diretrizes para ferramentas de pesquisa. Muitos integrantes do grupo são líderes ativos na ASC.


Symantec Corp.
"As práticas bem-sucedidas do mercado anteriormente estabelecidas para compartilhamento de informações sobre vírus demonstraram a eficiência da cooperação entre os especialistas em segurança na Internet", declarou Vincent Weafer, diretor principal de desenvolvimento da Symantec Security Response. "Ao padronizar os métodos de compartilhamento de amostras de spyware e soluções de teste anti-spyware, os clientes saem ganhando".

Sobre a Symantec
A Symantec é líder mundial no fornecimento de soluções que auxiliam empresas e usuários individuais a garantir segurança, disponibilidade e integridade de suas informações. Com sede em Cupertino, na Califórnia (EUA), a Symantec mantém atividades em 40 países. Informações adicionais estão disponíveis em www.symantec.com.br.